Home » Baixada Interativa » Duque de Caxias: 8º PIB do Brasil!?

Duque de Caxias: 8º PIB do Brasil!?

Poucos divulgam esta privilegiada posição da cidade de Duque de Caxias/RJ, no cenário brasileiro de acordo com o CENSO/IBGE (dados de 2008) – (ainda não estão disponíveis os dados atualizados do CENSO/2010) – aguardamos ansiosos para descobrir em qual posição a cidade se encontra.

É muito curioso a cidade estar entre as 10 maiores do Brasil em valor interno bruto (veja mais abaixo, o que significa esse tal de PIB) e ao andarmos pelos principais bairros da cidade, percebermos que Duque de Caxias não é exemplo em saúde, educação, segurança, infra-estrutura e muito menos serviços públicos.

Devemos recenhecer que, a máquina pública é de uma gestão complexa e com muitos desafios a serem enfrentados, exemplo: contratação e mensuração de materiais para consumo em obras e serviços públicos, mão de obra qualificada e preparada para auxiliar na gestão. Mas devemos enxergar principalmente é que: existem recursos para atingir (pelo menos alguma) qualidade nos serviços públicos para a população da cidade.

Duque de Caxias, pelo produto interno bruto que possui, deveria ser exemplo em vários setores da infra-estrutura pública. Porém, uma simples trajetória pela principal avenida que corta a cidade (e parte de seus principais bairros, isto inclui o Centro é claro, e além disso, também liga Caxias a Belford Roxo) Av. Presidente Kennedy, somos obrigados a constatar uma triste realidade: um jogo de empurra-empurra entre as autoridades e no final, a conta cai em cima do cidadão, que é obrigado a ter a vida útil do seu carro bruscamente diminuída – pois os burracos e imperfeições persistem em grande parte da via, acidentes constantes, trechos mal (ou nada) iluminados, escoamento de água de chuvas ineficiente, mal sinalizada.

Devemos lembrar que, após uma obra  de duplicação que foi orçada em mais de R$ 21 milhões, não resolveu o principal problema que é o congestionamento diário na parte da manhã e à noite (piores horários para trafegar na avenida) e que, está sendo entregue às prestações. Andar pela Av. Presidente Kennedy à noite, é uma aventura, não é a toa que a cidade é conhecida popularmente  como “Terra de Marlboro”. Esta obra de duplicação ainda deixa de presente para nós, cidadãos, diversos postes ainda não realocados para as calçadas, ah desculpem, é culpa da concessionária Light, aonde está Wally? Na minha opinião: não importa de quem é a culpa, é possível acionar o ministério e cobrar das concessionárias que o trabalho seja realizado.

Farei uma série de posts, onde vou abordar os serviços públicos da cidade, para refletirmos sobre esta incrível disparidade, entre o que a cidade movimenta em crifras $$$$ e o que é retornado para o cidadão em forma de serviço público de qualidade.

Somos imparciais, por isso, vamos reconhecer também, os serviços positivos que são realizados na esfera pública.

Se você tem algum comentário a fazer, participe. Estamos esperando sua opinião sobre o assunto. Ou você está doido(a) para chegar o final de semana e tomar sua cerveja? Ou não vê a hora do seu time começar a jogar pelo campeonato brasileiro?

Pior ainda, se você não quer saber desse assunto e prefere levar sua vida tapando os olhos, lamentamos e só temos a dizer que: sua qualidade de vida poderia ser melhor se parasse para pensar e refletir sobre o tema. Caso queira continuar esperando seu ônibus lotado, ficar horas para ser atenidido nos hospitais da rede pública, ter seu filho perdendo dias de aulas na escola pública, enfrentar engarrafamentos em ruas mal planegadas, correr o risco de morrer atropelado em ruas mal sinalizadas, cair em calçadas irregulares… etc, contiue sem pensar no assunto :=)

O que é o PIB

PIB (Produto Interno Bruto) é a soma de todos os serviços e bens produzidos num período (mês, semestre, ano) numa determinada região (país, estado, cidade, continente). O PIB é expresso em valores monetários (no caso do brasil em Reais). Ele é um importante indicador da atividade econômica de uma região, representando o crescimento ecônomico. Vale dizer que no cálculo do PIB não são considerados os insumos de produção (matérias-primas, mão-de-obra, impostos e energia).

A Fórmula para o cálculo do PIB de uma região é a seguinte: PIB = C+I+G+X-M. Onde, C (consumo privado), I (investimentos totais feitos na região), G (gastos dos governos), X (exportações) e M (importações).

O PIB per capita (por pessoa), também conhecido como renda per capita, é obtido ao pegarmos o PIB de uma região, dividindo-o pelo número de habitantes desta região.

O PIB do Brasil no ano de  2010, em valores correntes, foi de R$ 3,675 trilhões  (crescimento de 7,5 % sobre o ano de 2009).

Fonte: Internet

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *